Mamãe a bordo



Estou em um projeto interessante, vou mudar de trabalho. Estou decidida a ser mãe.

Por enquanto é só um plano que penso em realizar em breve, mas já é tão boa a idéia, que fico imaginando como vai ser quando a criança estiver crescendo aqui dentro da minha barriga.

Eu até fiz uma pasta chamada “Operação bebê a bordo.”Brega?Talvez. 

Estou acompanhando um blog muito legal que se chama Potencial Gestante. Traz  varias informações sobre cada fase e experiências da própria blogueira que também desejava ser mamãe e hoje já esta no segundo baby.

Acho que a maioria das mulheres têm esse sonho de ser mamãe, cada uma a seu tempo.

Eu por exemplo nunca pensei nisso, na verdade nem queria.

Mas depois que casei, não sei se foi a proximidade com meu enteado e meus sobrinhos esse sonho aflorou forte em  mim.

Alguém mais é assim?

Tenho medos também, de não ser boa mãe , de não dar conta.

Hoje em dia onde a mulher conquistou seu espaço no mercado de trabalho e tantas outras conquistas profissionais , deixar o mercado de trabalho para apenas se dedicar a ser mamãe 24 horas  pode parecer retrogrado, porem sei que para mim será algo muito maravilhoso.

Minha mãe sempre foi dona de casa, e tenho maravilhosas lembranças da presença dela ao invés de ter lembranças da saudade do fato de estar no trabalho.

Não estou condenando as mamães que trabalham, cada um sabe de si, e por ter amigas próximas que tem filhos pequenos e trabalham, sei como elas ficam com o coração apertadinho várias vezes e se desdobram para compensar a ausência.Muitas, se tornam muito melhor que mães que estão em tempo integral.
Enfim, o importante é seguir o nosso coração, nosso instinto e talvez em breve vocês estejam lendo sobre minha babação em relação a maternidade. 

Ate quinta!^^